• ENTREGAMOS PARA TODO O BRASIL
  • LOGIN

O poder do não para crianças

23 de abril de 2020

O poder do não para crianças Estúdio Tauga
Saiba como impor limite no dia a dia dos pequenos

Conforme os pequenos vão crescendo e se desenvolvendo, vão criando personalidade e, muitas vezes, os pais começam a sentir dificuldades em lidar com os pequenos e a como dizer não para crianças quando mais precisam.

Por mais que seja difícil dizer não aos pequenos, é preciso ter essa postura mais rígida e um posicionamento centrado para que seu filho cresça sabendo que existem regras e que as mesmas precisam ser seguidas e colocadas em prática. 

Mas como dizer não para crianças sem criar um conflito dentro de casa e ainda fazer com que eles entendam o motivo e amadureçam naturalmente? Primeiro de tudo, é importante que esse empreendimento venha, acima de tudo, dentro de casa em um primeiro momento. 

Pois quando o ensinamento vem da própria família, seja do pai, mãe, tios ou avós, fica mais fácil de a criança enfrentar essas situações que possam vir a acontecer na escola, por exemplo, ou em qualquer ambiente fora de casa. 

Dessa maneira, a criança começa a assimilar seus limites e a entender melhor o que pode e o que não pode ser feito. O pequeno também aprende a lidar melhor com suas emoções, uma vez que a tristeza ou o rancor são despertados após uma “bronca”.

Por isso, tente sentar com seu filho e tratar esse “não” com naturalidade. Dessa forma, o pequeno já crescerá sabendo que determinada atitude não pode ser feita, mas que todo mundo erra, o que não pode é que isso se repita.

Como evitar a rejeição?

A gente sabe que dizer não para crianças é uma tarefa para lá de complicada… Quem gosta de ver os filhos tristes? Ninguém, né?! Porém, é preciso levar essas situações negativas “numa boa” para que o pequeno entenda e também encare como um gesto de afeto. 

Além disso, esteja sempre aberto a conversar e a explicar cada situação e não volte atrás de suas atitudes para não confundí-lo. Seja firme e coerente. Dessa forma, você conquistará a confiança da criança e ainda ajudará a entender que não se trata de uma simples recusa, mas que existe uma motivo real de aquilo estar acontecendo.

Lembre-se sempre: colocando amor, tudo fica mais fácil! 

produtos
desta
matéria

ver mais artigos

0

Carrinho